terça-feira, 14 de abril de 2015

PlanMob-SP: Frente de Debates Temáticos reúne 300 participantes


Aconteceu no sábado, 11/04, mais um evento de participação social para a elaboração do Plano Municipal de Mobilidade de São Paulo. A Frente de Debates Temáticos para a construção do PlanMob-SP reuniu cerca de 300 pessoas no auditório do Campus Vergueiro da Uninove. Partindo da visão de cada grupo componente do sistema de mobilidade urbana – idosos, meio ambiente e saúde, ciclistas, pedestres, estudantes secundaristas e universitários, jovens, movimentos sociais, sindicatos dos trabalhadores e ONGs, os debates produziram recomendações e diretrizes de ações para o Plano. Nesse sentido, foram avaliados como profícuos pela organização da Frente.

Para melhor aproveitamento das discussões e propostas apresentadas, cada segmento participante ocupou um recinto próprio e contou com a mediação de uma mesa coordenadora composta por três membros, sendo um conselheiro do CMTT (Conselho Municipal de Trânsito e Transporte), um técnico especialista no assunto - funcionário da CET/SPTrans- e um relator assistente responsável por redigir formalmente as contribuições de cada debate. Agora, esses relatórios devem ser validados e encaminhados à comissão de redação do PlanMob, que será apresentado no final do mês, conforme determina o prazo das legislações pertinentes (Lei Federal nº 12.587/2012 e Lei Municipal nº 16.050/2014) .

Além de uma oportunidade de reivindicar melhorias sobre acessibilidade e deslocamentos, o encontro serviu para a SMT, CET e SPTrans divulgarem informações de utilidade pública sobre os mais variados assuntos de suas competências. Na sala dos idosos, por exemplo, o público pôde conhecer mais a respeito do Cartão do Idoso e aprender como funciona o bilhete único dessa modalidade.

O evento foi oficialmente aberto pelo secretário municipal de Transportes, Jilmar Tatto, que enfatizou, com a iniciativa, o cumprimento da meta da gestão democrática dos assuntos públicos, ressaltando a importância de ouvir abertamente a população no processo de construção do PlanMob. Grupos civis organizados, a exemplo do Greenpeace e outros, também tiveram representantes na Frente.

Próximos encontros
O calendário de encontros entre o poder público e a sociedade organizada prevê, no dia 16 de abril, a 12ª. reunião do CMTT pautada nas soluções para a gestão das calçadas, um dos itens mais importantes da mobilidade urbana. E para 22 de abril, está programada uma audiência na Câmara dos Vereadores para discutir o PlanMob. O seu texto-base bem como os andamentos dessas plenárias podem ser acompanhados no site oficial (www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/transportes/planmob).

Nenhum comentário:

Postar um comentário