quinta-feira, 13 de novembro de 2014

CET implanta 2ª fase da Área 40 Moema

Logotipo Área 40
A ação visa aumentar a segurança para usuários e incentivar o melhor compartilhamento do espaço urbano. Moema foi a quarta região da cidade a receber esta operação, que já vigora na Região Central, na Lapa, em Santana. Agora recebe a segunda fase do programa.

A CET irá implantar na segunda-feira (17/11) a 2ª fase da Área 40 em vias de Moema. A Área 40 é uma Área de Velocidade Reduzida onde será regulamentada a velocidade máxima de 40 km/h. A medida busca melhorar a segurança dos usuários mais vulneráveis do sistema viário, pedestres e ciclistas, buscando a convivência pacífica e a redução de acidentes e atropelamentos na área.

Contando a 2ª fase de Moema, a cidade passa a dispor de 7,0 km² de Área de Velocidade Reduzida.

Apesar da redução de cerca de 5% no número de mortes de pedestres alcançada na cidade de São Paulo (de 540 em 2012, para 515 em 2013), as ações em defesa da vida precisam e vão ser intensificadas em busca de números cada vez menores.

A região de Moema concentra grande volume de pedestres, além de ciclovias, rotas de bicicletas e um
Corredor de Ônibus, sendo necessárias velocidades menores para promover condições seguras e confortáveis de circulação aos usuários. A área onde ocorrerá a intervenção tem cerca de 1,7 km² e é geometricamente inversa a da 1ª fase, sendo delimitada agora pelas avenidas dos Bandeirantes, Ibirapuera, Santo Amaro, Hélio Pellegrino e República do Líbano.

Para implantação da 2ª fase da Área de Velocidade Reduzida em Moema serão utilizadas 210 placas de sinalização vertical de regulamentação e advertência, além de 96 m² de sinalização horizontal em vias afetadas pela mudança. Antecipadamente serão instaladas 47 faixas de vinil, alertando sobre as alterações.

Mapa da 2ª fase da Área 40 na região de Moema

Clique aqui para saber mais sobre a Área 40.

Nenhum comentário:

Postar um comentário