sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Até outubro, 4.287 locais semaforizados foram revitalizados


A CET concluiu o balanço do trabalho de revitalização semafórica que vem sendo feito desde agosto passado na cidade de São Paulo: até outubro de 2014, 4.287 locais semaforizados foram reformados.

No mesmo período, também foram instalados 929 nobreaks, viabilizados através da licitação. Se somarmos esse quantitativo aos equipamentos instalados pela Eletropaulo e por pólos geradores de tráfego temos mais de mil nobreaks em funcionamento na cidade. Também foram instalados 555 controladores.

Números atualizados na primeira semana de novembro indicam a revitalização de 4.350 locais, e a instalação de 1.000 nobreaks e 614 controladores. O levantamento completo deste mês será finalizado em dezembro.

Até agosto de 2015, serão recuperados 4.800 locais na cidade. Hoje, há 6.081 pontos semaforizados na capital paulista.

A primeira fase da revitalização semafórica contempla a substituição do cabeamento do local, instalação/recuperação do sistema de proteção envolvendo o aterramento e instalação de dispositivos de proteção contra surtos e descargas atmosféricas.

Concluídos os trabalhos da primeira fase, os locais encontram-se aptos para prosseguimento do processo, que prevê a substituição de controladores (dispositivos tecnológicos que controlam os cruzamentos) instalação de no breaks (equipamento auxiliar ativado quando ocorre a oscilação ou falta de energia elétrica) e instalação de módulos de comunicação (gprs - conexão dos locais semafóricos com a Central de Manutenção Semafórica).

Integrando o processo de revitalização, a Central de Manutenção Semafórica permite o acompanhamento em tempo real do estado operacional dos locais revitalizados, possibilitando o acionamento imediato de turma de manutenção em casos de ocorrências e, ainda, a recuperação do estado operacional do semáforo de forma remota.

Nenhum comentário:

Postar um comentário